Rita Faria Nunes
– Key Account Manager –

Quantos de nós descarregaram pelo menos uma nova app no atípico ano de 2020?

A chegada da pandemia trouxe consigo novas necessidades para os governos, agentes económicos e famílias. Por sua vez, os desenvolvedores de apps souberam adaptar-se, respondendo de forma criativa, com soluções que vieram facilitar o novo quotidiano (minimizando o impacto das restrições que temos vindo a assistir).

Rita Faria Nunes
– Key Account Manager –

Quantos de nós descarregaram pelo menos uma nova app no atípico ano de 2020?

A chegada da pandemia trouxe consigo novas necessidades para os governos, agentes económicos e famílias. Por sua vez, os desenvolvedores de apps souberam adaptar-se, respondendo de forma criativa, com soluções que vieram facilitar o novo quotidiano (minimizando o impacto das restrições que temos vindo a assistir).

Analisando os crescimentos de duplo (e mesmo triplo) dígito, não restam dúvidas que as atitudes face às apps mudaram.

Neste artigo partilho convosco alguns indicadores mundiais relativos ao uso de apps no último ano, as melhores apps de 2020 e algumas apps portuguesas que surgiram pós COVID-19. Por fim, dou-vos a conhecer a nova app do Bairro de Alvalade – desenvolvida pela Jelly.

Espreitemos primeiro alguns números:

  • No primeiro semestre de 2020, o número de downloads de apps cresceu 26,1% face ao primeiro semestre de 2019;
  • No segundo trimestre de 2020, o tempo despendido a usar apps aumentou 40% face ao período homólogo;
  • Na Google Play, “negócios”, “saúde e fitness” e “educação”, tiveram aumentos de 115%, 75% e 50%, respectivamente, quando comparamos o segundo trimestre de 2020 com o período homólogo em 2019;
  • Na Apple store, no segundo trimestre de 2020, a categoria “negócios” foi a que registou um crescimento mais significativo, liderada por apps de videoconferência. Apps de saúde e fitness, compras e medicina tiveram um crescimento significativo de 30%, 25% e 20%, respectivamente, face ao ao mesmo período do ano anterior.

Analisando os crescimentos de duplo (e mesmo triplo) dígito, não restam dúvidas que as atitudes face às apps mudaram.

E quais foram as apps que se destacaram em 2020?

Todos os anos, a Google e a Apple revelam as melhores aplicações das suas lojas digitais.

No caso da Play Store, a Loóna foi considerada a melhor do ano e foi concebida para ajudar as pessoas a dormirem melhor;

Na loja digital da Apple, a Wakeout!, uma espécie de personal trainer virtual para pessoas que se querem tornar mais ativas, ganhou o título de melhor app do ano.

Tudo isto faz sentido para mim. Em 2020, tive dias em que me custou adormecer, sobretudo na primeira semana de quarentena. Tenho pena de não ter procurado pela Loóna nesses momentos. Foi também nesse ano que descobri o poder da ginástica em casa.

Mas não é preciso irmos tão longe para encontrarmos boas iniciativas.

E em Portugal? O que fizemos por cá?

Do apoio psicológico às compras no supermercado ou na farmácia, “Quero Ajudar” é a aplicação Portuguesa que reúne uma equipa de voluntários prontos a prestarem serviços a quem estiver de quarentena.

Existe também uma app que ajuda a ver se há muita gente no supermercado (“Posso ir?”), outra para encomendar medicamentos (“HomeMed”) e outra para comprar vouchers no comércio local (“Preserve.pt”). Tudo isto é orgulho nacional.

App Bairro de Alvalade

Há inúmeras inciativas que são de louvar e que gostaria de destacar, mas há mais uma app que não posso deixar de partilhar.

Chama-se Bairro de Alvalade, foi lançada recentemente pela Junta da mesma Freguesia e foi desenvolvida pela Jelly.

A app Bairro de Alvalade assume-se como a grande montra digital do comércio de bairro da cidade de Lisboa.

A app dinamiza atualmente 150 estabelecimentos comerciais e está disponível para dispositivos Android e iOS. Os utilizadores podem consultar a localização exata das lojas, horários, métodos de pagamentos, promoções, serviços disponíveis e ainda efetuar um contacto direto através de chamada telefónica ou das redes sociais.

A app conta ainda com artigos de interesse relacionados com o Bairro e terá disponíveis, ainda este ano, novas funcionalidades.

Deixo-vos na companhia da Inês Lopes Gonçalves, apresentadora de televisão e moradora na freguesia de Alvalade – o rosto da campanha promocional de lançamento desta app.